Arquivo | Novembro, 2012

Berlin Mauer

27 Nov

O Muro de Berlim  (em alemão Berlin Mauer) foi uma barreira física, construída pela República Democrática Alemã (Alemanha Oriental) durante a Guerra Fria, que circundava toda parte ocidental da cidade de Berlim, separando-a da Alemanha Oriental. Este muro, além de dividir a cidade de Berlim ao meio, simbolizava a divisão do mundo em dois blocos: o da República Federal Alemã  (RFA), que era constituído pelos países capitalistas encabeçados pelos Estados Unidos; e o da República Democrática Alemã (RDA), constituído pelos países socialistas simpatizantes do regime totalitário soviético. Começou a ser construído na madrugada de 13 de Agosto de 1961, sendo patrulhado por militares da Alemanha Oriental com ordens de atirar a matar a quem tentasse passar para o outro lado.

            Durante uma onda revolucionária que varreu o Bloco de Leste, o governo da Alemanha Oriental anunciou em 9 de novembro de 1989, após várias semanas de distúrbios civis, que todos os cidadãos da RDA poderiam visitar a Alemanha Ocidental e Berlim Ocidental. Foi o início do fim do Berlin Mauer.

            Para lembrar este acontecimento, a turma do 7º D – PA, que tem a disciplina de Língua Estrangeira II – Alemão, juntamente com o Clube Hora H e a turma CEF, promoveram uma atividade ao longo de três semanas, na qual se foram mostrando imagens das duas realidades separadas pelo muro. No dia 9 de novembro construiu-se um enorme muro no polivalente que viria a ser derrubado alguns dias depois.

 Helena Borralho/João Batalha

Anúncios

Parlamento dos Jovens – Debate

26 Nov

No passado dia 21 de novembro, a Escola Básica 2. 3. de Maxial foi palco de um debate subordinado ao tema “Ultrapassar a crise” organizado e dinamizado pelas Professoras Helena Serra e Sérgia Santos enquanto coordenadoras do Projeto Parlamento dos Jovens 2012 – 2013.

Estiveram presentes diversas entidades, nomeadamente a Direção do Agrupamento de Escolas do Maxial, com a presença do Sr. Diretor Mário Gomes e do Professor Gonçalo Bernardino, na qualidade de Assessor; a Dra. Rita Reboredo na qualidade de Psicóloga do nosso Agrupamento; o Presidente da Associação Industrial Portuguesa, Dr. José Eduardo Carvalho e as Dras. Maria Vieira e Paula Alves do Departamento de Empreendedorismo e Cooperação Empresarial da AIP; as Dras. Joana Monteiro e Raquel Luz enquanto representantes da Câmara Municipal de Torres Vedras, no setor da Educação e Gabinete de Apoio às Empresas, respetivamente e as Sras. Cecília Nazaré e Patrícia Mendes, enquanto Presidente e Vice-Presidente da Associação de Pais.

Esta iniciativa destinou-se a todas as turmas do 3º ciclo, curso CEF e alunos da Educação Especial. A sessão teve início com a apresentação sumária do que é o projeto Parlamento dos Jovens e com a visualização de um powerpoint concebido em torno de soluções para nos livrarmos da crise. A partir daqui surgiram inúmeras ideias e o debate desenvolveu-se com a colaboração das turmas envolvidas e as respostas sempre esclarecedoras dos convidados.

Este encontro de todos os alunos e professores, para uma reflexão conjunta, foi dinamizado e abrilhantado com a participação especial dos convidados movidos pelas questões colocadas pelas turmas e pelas intervenções das representantes das listas A e B, tendo sido feito o esclarecimento de dúvidas e a divulgação de informações atuais e pertinentes relacionadas com os tempos de crise que todos estamos a viver.

O Sr. Presidente da AIP, Dr. José Eduardo Carvalho, num discurso muito acessível e atendendo à faixa etária dos alunos deu a conhecer o porquê desta crise e alertou as consciências para a necessidade de mudarmos os nossos hábitos, de apreciarmos e consumirmos os produtos portugueses, a importância fulcral da educação e formação no mercado de trabalho, a necessidade imperiosa de sermos criativos e pensarmos em iniciativas originais.

A Dra. Raquel Luz enquanto representante da Câmara Municipal de Torres vedras conseguiu dar uma panorâmica de como o concelho tem estado a sobreviver à crise, das áreas mais afetadas pelo desemprego e de respostas positivas e alternativas para se trabalhar e viver em Torres Vedras, tendo subjacente a importância do empreendedorismo.

A Sras. Presidente e Vice-Presidente da Associação de Pais souberam cativar a audiência para as dificuldades que as famílias estão a atravessar e de como os alunos, enquanto filhos, podem ser mais compreensivos, menos exigentes em relação aos pais e de que são necessários sacrifícios neste presente a fim de que o futuro seja mais promissor.

De uma forma geral todas as intervenções foram no sentido de nos mobilizarmos para que no dia a dia possamos encontrar as melhores soluções para vencer o clima de austeridade que estamos a atravessar.

Foi uma sessão de trabalho muito gratificante para todos e em especial para as professoras organizadoras. Só com ações desta natureza, promotoras da informação, reflexão e, discussão é que se podem moldar as personalidades com vista a uma responsabilização, respeito e valorização do que é nacional e de como devemos ser dinâmicos e decididos sempre num clima de otimismo para vencermos as agruras dos tempos atuais.

Carte d’identité d’un artiste

20 Nov

Utilizando o vocabulário estudado nas aulas de Francês, os alunos do 8º ano pesquisaram informações sobre os seus grupos /artistas preferidos e elaboraram uma “Carte d’identité” .  Eis o resultado de algumas dessas pesquisas:

Professora Isabel Rodrigues

“Quatro metros de mar e palavras”

20 Nov

Olá!

Somos alunos da turma B do quinto ano e participamos num projeto muito engraçado que se intitulou “Quatro metros de mar e palavras”.

Este projeto foi proposto pelo Museu da Marinha, dinamizado nas aulas de Português em colaboração com Arte- Educação para a Criatividade e Cultura.

    O trabalho constou de uma pesquisa e posterior seleção  de lendas alusivas ao mar que foram dispostas ao longo de uma faixa com 4m de comprimento, pintada, com motivos a imitar o fundo do mar.

   Desconhecíamos que houvesse tantas histórias sobre o mar! Umas ligadas à mitologia, outras relativas ao nome de certos lugares, isto é, relativa à toponímia; outras pertencentes a livros de histórias que lemos há já algum tempo! Lembram-se da Pequena Sereia? Pois bem é uma das histórias que faz parte do nosso livro desdobrável.

Vamos ao debate!

19 Nov

Pelo terceiro ano consecutivo, a nossa escola vai participar no projeto «Parlamento dos Jovens» dinamizado pela Assembleia da República e coordenado, na nossa escola, pelas professoras Helena Serra e Sérgia Santos e cujo tema tão na ordem do dia é: “Ultrapassar a crise”!

O debate, este ano mais vocacionado para os alunos do 3º ciclo, dada a especificidade do tema, irá ter lugar no dia 21 de novembro entre as 9h30 e as 12h00, no ginásio da escola.

Confirmada está a presença do Presidente da Associação Industrial Portuguesa e do Vereador da Câmara Municipal de Torres Vedras, na área da gestão financeira. No entanto, contamos ainda com a presença da Representante da Associação de Pais e da nossa Psicóloga.

Pretende-se que seja um debate construtivo e elucidativo acerca dos problemas que afetam o nosso país nestes tempos de austeridade. Mas ainda mais importante será a reflexão conjunta em torno de possíveis soluções para ultrapassar a tão indesejada crise que a todos nos afeta.

O grande objetivo é apontar soluções criativas, alternativas para um quotidiano mais otimista e a partilha de ideias empreendedoras que nos possam trazer um futuro mais promissor!

A Coordenação,

Helena Serra e Sérgia Santos

“Mobilidade sustentável”- Ação de sensibilização

13 Nov

Nos dias 6 e 12 deste mês decorreu na nossa escola, para os alunos das turmas 9ºA e 9ºB,  uma ação de sensibilização subordinada à temática “Mobilidade Sustentável”. Este tema abrange diversas áreas da sociedade, desde a economia ao planeamento urbano, do ambiente à saúde, da educação aos hábitos culturais e sociais. Na nossa escola surgiu no âmbito da disciplina de Fisico-Química, e permitiu a consolidação dos conteúdos leccionados na disciplina que integram os domínios “O Movimento e Forças” e “Segurança e Prevenção”; foi dinamizada por Engenheiros do Ambiente, do Centro de Educação Ambiental.

Assim sendo, pretendeu-se com esta ação promover junto dos alunos do 9ºano uma mobilidade segura, saudável e mais amiga do ambiente.  Foram abordadas questões como a acessibilidade, o serviço público de  transporte, o desenvolvimento dos modos suaves de deslocação, a moderação do uso do automóvel particular, entre outros. Os alunos tomaram conhecimento das vantagens em praticar este tipo de deslocação. Entre os quais se podem enumerar:

Redução significativa dos gases poluentes em meio urbano o que favorece uma melhoria significativa da qualidade do ar nas cidades;

– Redução do ruído nas cidades;

– Libertação do espaço público, que pode passar a ser ocupado por jardins, escolas ou mesmo espaços comerciais como esplanadas;

– Saúde Publica.

Aniversário da nossa Escola

8 Nov

No passado dia 4 de novembro a nossa escola completou 29 anos. No dia seguinte, segunda-feira, a efeméride foi devidamente assinalada por toda a comunidade escolar. Alunos, docentes e não docentes todos se juntaram para a cerimónia do hastear das bandeiras – da República Portuguesa, do Agrupamento e do Eco-Escolas, galardão que a escola obteve novamente. Depois, cantámos os “Parabéns” e partilhámos um bolo de aniversário. Ao longo de todo o dia professores e funcionários pintaram dois paineis. PARABÉNS!

%d bloggers like this: